OS BENEFÍCIOS DO BIM EM PROJETOS DE INSTALAÇÕES DE COMBATE A INCÊNDIO E PÂNICO

São diversos os benefícios que o BIM proporciona nos projetos em suas diversas disciplinas. Em especial, os projetos de instalações de combate a incêndio e pânico possuem vantagens especiais.

O uso da tecnologia CAD (Computer Aided Design) é algo comum quando se trata de projeto. O desenho 2D em computadores foi uma inovação por volta de 1982, quando os projetos eram feitos à mão. Dessa forma a tecnologia BIM se apresenta como uma revolução ao tratar-se de projetos, oferecendo várias ferramentas adicionais. Como o próprio nome diz: não se trata apenas de desenhar e sim de modelar toda informação necessária de modo que o projeto fique completo e preciso, facilitando a sua análise e execução.

Com isso, apresenta-se nesse cenário o Revit, referência na tecnologia. Suas poderosas ferramentas auxiliam o projetista em seu trabalho, proporcionando agilidade tanto na etapa de modelagem arquitetônica, quanto na etapa de elaboração das instalações prediais. O Revit apresenta ainda, vários tipos de links, um deles com arquivos em .dwg, ou seja, pode-se modelar em 3D utilizando um projeto 2D feito com a tecnologia CAD.


Quando se fala em projetos vários fatores são levados em consideração no processo de elaboração. A qualidade e o tempo são fatores determinantes para o sucesso do projeto. No Revit pode-se ter auxílio de um arquivo base para modelagem do projeto, um template contendo vários componentes, famílias, legendas, tabelas e anexos para documentação e extração de quantitativo de forma mais rápida e eficiente.

Assim introduzimos na pauta os projetos de combate a incêndio. Um projeto de combate a incêndio e pânico tem como finalidade proteger a vida e o patrimônio das pessoas. Afim de otimizar o processo de elaboração do projeto de incêndio começou-se a introduzir o Revit para analisar, modelar e documentar um projeto de combate de incêndio e pânico.


Com isso, todo o estudo e análise referente ao processo de confecção do projeto pode ser otimizado através de ferramentas poderosas que agilizam o processo de forma simples e eficaz como o corte onde cria-se cortes com profundidades determinadas de modo instantâneo e a ferramenta de câmera, que possibilita a navegação no projeto modelado em 3D. Procedimentos que se fossem feitos na tecnologia CAD demorariam mais tempo ou não seriam possíveis, pois além de analisar, se perderia tempo desenhando, confeccionando legenda e tabelas, o que é normal, pois trata-se de uma ferramenta de desenho, no entanto, há como ganhar tempo utilizando a tecnologia BIM.



A apresentação do projeto tanto para análise quanto para execução mostra-se completo, com várias opções de informações, inclusive o 3D, o projeto fica mais sofisticado e entendível. Portanto, o decreto do BIM é um marco e totalmente necessário para evolução na engenharia no Brasil e o Revit apresenta-se como uma ferramenta poderosa, que auxilia na análise e elaboração do projeto de combate a incêndio da forma eficaz.

220 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo